Todos os posts com a tag: #Jardim Miriam

Faróis quebrados – Mortes e acidentes na Cupecê são ignoradas pelas autoridades

De acordo com relatos de comerciantes, duas pessoas morreram na esquina entre a Avenida Cupecê e Rua Rio Grande do Norte e os acidentes no local são rotinas. Inconformados com o perigo de atravessar a Avenida Cupecê com a Rua Rio Grande do Norte, tanto para os motoristas, quanto para os pedestres, comerciantes colocaram um cartaz na via alertando a população, sobre o risco de morte ao atravessar naquele local. Isto porque já testemunharam duas mortes e dezenas de acidentes nos últimos meses por conta dos semáforos quebrados e a situação piorou nos últimos dois meses quando os faróis da região não funcionam, por mais que as equipes técnicas da CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) tentem arrumá-los. No mês passado, a reportagem do jornal O Bairro publicou matéria sobre o problema que já dura meses praticamente em todos s semáforos da região do Jardim Miriam. Estes equipamentos param de funcionar ou por falha técnica, ou por conta de falta de manutenção, ou ainda por conta de furtos dos fios destes equipamentos. As únicas medidas …

Caos: Falha nos semáforos na Cupecê coloca a vida dos motoristas e pedestres em risco

Com inúmeros semáforos em funcionar, pedestres e motoristas correm risco de morte na via. Transitar pela Avenida Cupecê, especificamente na região da Cidade Ademar e no Jardim Miriam, é correr risco de sofrer acidente, isto porque nos últimos 15 dias, dezenas de semáforos da avenida não estão funcionando, ou por falha técnica, ou por conta de falta de manutenção, ou ainda por conta de furtos dos fios destes equipamentos. As únicas medidas tomadas nestes últimos dias tomadas pela CET foram colocar cavaletes interditando o acesso em alguns pontos. Na última quarta-feira, dia 14, diversas viaturas tentavam arrumar estes semáforos, mas a situação ainda se encontra precária. Por isto, atravessar a via é uma tarefa perigosa, principalmente em frente à Escola Estadual Leonor Quadros, no Jardim Miriam, os estudantes dependem do bom senso dos motoristas que vem de Diadema e descem em alta velocidade. “É um absurdo, isto está assim há 15 dias, eles mechem e mechem nas fiações e não resolve”, comentou Carlos de Oliveira, 49 anos, que tentava atravessar a via com seu filho …

Foto rara da Santo Afonso dos anos 70

O tradicional site Foco do Jardim Miriam publicou recentemente uma foto rara da Avenida Santo Afonso, ainda nos anos 70. Como a imagem mostra o morro em direção ao “Morro Dunga”, com um deslizamento, que era constante na época e a via ainda era de terra, a data da imagem é entre os anos de 1974 a 1979, isto porque antes de 1974 a via não tinha luminárias nos postes e na imagem constam as luminárias e a Santo Afonso foi asfaltada no final de 1979.

Av. Santo Afonso é recapeada pela 1ª vez em 41 anos

A Avenida Santo Afonso, uma das mais tradicional e importante via da região da Cidade Ademar, foi recapeada pela primeira vez esta semana, desde o asfaltamento da via em 1979. Durante décadas, apenas serviços de tapa-buracos faziam as manutenções em sua extensão de 1.3 km que comporta creches, dezenas de igrejas, dentre elas, a Paróquia Santo Afonso, a EMEF Carlos Augusto de Queiroz, dezenas de salões de beleza e ainda a UBS Jardim Miriam Manoel Soares, além das residências locais. Mesmo assim, o local nunca teve atenção das autoridades da região. O jornal O Bairro Cidade Ademar já constatou documentos de recapeamento asfáltico na via, porém, o serviço sempre foi executado pela metade. Alguns comerciantes da via e ainda moradores relataram à reportagem que, o recapeamento sempre foi uma promessa antiga de vários políticos, entretanto, o serviço nunca era completo.

CEU Cidade Ademar: mais um passo é dado para a sua construção

Por Movimento pelo CEU Cidade Ademar e Sérgio Pires O Movimento pelo CEU Cidade Ademar emitiu uma nota sobre os andamentos para a construção do CEU na região. A licitação para as obras saiu no último dia 26 de julho, entretanto o caso ainda está em trâmite da Justiça quanto ao local (Clube da Caixa Econômica, na Vila Joaniza). O movimento luta ainda para que ocorra a aceleração da possível desapropriação de parte do terreno pertencente à Associação de Pessoal da Caixa Econômica Federal, popularmente conhecido como Clube da Caixa, como pagamento de dívidas de IPTU. Por outro lado, o clube luta na justiça pela isenção destes impostos, já que a Prefeitura concedeu isenções de IPTU a clubes como São Paulo, Palmeiras, Corinthians, entre outros. Os movimentos populares pedem que o Poder Judiciário julgue o mais rápido possível este processo, já que a Prefeitura já emitiu a ordem de desapropriação de parte do terreno e o equipamento já foi incluído no Programa Metas da Prefeitura de São Paulo 2021/2024 (meta 25). O Centro Educacional Unificado …