Todos os posts com a tag: Cidade Ademar

Medo de envelhecer pode evoluir para quadros de depressão

Coordenador do curso de Psicologia da Anhanguera explica de que forma a gerontofobia atinge a população. Identificar as marcas da idade em si mesmo figura entre as principais preocupações da humanidade. Os pés de galinha no reflexo do espelho e a perda do volume facial aparente em fotografias indicam que o processo natural de envelhecimento está acontecendo, porém, carregam simbologias que assombram a mente da população. Embora o medo de envelhecer, conhecido como gerontofobia, não seja registrado na CID-10 (Classificação Internacional de Doenças), o quadro pode evoluir para crises de ansiedade, neurose e depressão. De acordo com o coordenador do curso de Psicologia da Faculdade Anhanguera, professor Thiago dos Reis Hoffman, a gerontofobia é caracterizada pela aversão aos sinais do tempo no próprio corpo, como rugas de expressão e a diminuição da mobilidade, assim como por pessoas idosas. “Um conjunto de fatores irá definir se o indivíduo convive ou não com essa fobia e os impactos estão relacionados à aparência física, à possível debilidade da saúde e às dificuldades sociais”, afirma o acadêmico. O medo excessivo e …

Cidade Ademar era denominado “Bairro do Cupecê” no final do século 19

Bairro completa 76 anos neste domingo, dia 26. Mas a história começa ainda no século passado com as inúmeras olarias nos sítios da região. Para conhecer um pouco da história do Bairro Cidade Ademar, fundado em 1946, é preciso regressar no tempo algumas décadas antes desta data. Para isto, o jornal O Bairro Cidade Ademar teve acesso a alguns documentos históricos que trazem ao público fatos inéditos e entender porque a região tornou-se periférica, marginalizada e com poucos recursos durante todos estes anos e, somente agora se torna aos poucos como um dos principais bairros em desenvolvimento de São Paulo. A história começa ainda no final do século 19, pois a região era um conglomerado de sítios e fazendas pertencentes ao município de Santo Amaro, que administrou todas estas terras por quase 100 anos, de 1832 a 1935. Um dos principais sítios da região era denominado Sítio Cupecê, que abrangia quase toda a área da Cidade Ademar e ainda um pedaço da região próximo ao cemitério Campo Grande e tendo como divisa o “majestoso” Ribeirão …

Clube da Caixa recebe veteranos da várzea

No último sábado, dia 11 de junho, o tradicional Clube da Caixa, na Vila Joaniza recebeu as equipes de veteranos Enxuga Grama e Confraria dos Boleiros, duas equipes formadas por jogadores veteranos que já fizeram parte das maiores equipes da várzea da zona sul. O jogo terminou empatado por 2 x 2 e a maior vitória foi a resenha pós jogo, onde os atletas fizeram aquela resenha especial proporcionada pelo clube. Veja a reportagem no face

Voluntários do Bezerra de Menezes socorrem moradores de rua da região

Entidade distribui cerca de 100 marmitas diariamente para as pessoas que estão sem moradias no entorno da Avenida Cupecê. Enquanto a Prefeitura de São Paulo reduz a alimentação para a população carente fechando os restaurantes Bom Prato nos finais de semana, as entidades sociais da região continuam seu trabalho em prol das pessoas em situações de vulnerabilidade. Entre elas, a instituição Grupo Socorrista Bezerra de Menezes, que distribui cerca de 100 marmitas para a população de rua em todo o percurso da Avenida Cupecê, além de roupas, produtos de higienes e cobertores. Tudo por meio de trabalho voluntariado, cujo objetivo mais importante é ajudar ao próximo. Um destes voluntários é Clovis Lopes, que atua como voluntário todas as quintas-feiras percorrendo toda a Avenida Cupecê distribuindo as marmitas. De acordo com Lopes, antes da Pandemia, a entidade Bezerra de Menezes atendia os moradores de rua em sua sede, com alimentação e a utilização dos vestiários para tratar da higiene pessoal dos moradores, porém, com a chegada da pandemia, este trabalho teve que ser suspenso temporariamente. “Conhecíamos …