Todos os posts em: Cultura

Cidade Ademar completa 76 anos

O bairro da Cidade Ademar completa neste sábado, dia 26, 76 anos de história. Para isto a Subprefeitura da Cidade Ademar, está preparando uma grande festa de aniversário, na Praça Ligia Salgado Filho (antiga Feira Livre), que acontece das 10h às 22h com barracas de alimentação, Brinquedos Infláveis e muita musica. O evento será aberto com a turma da Patrulha Canina e Galinha Pintadinha para animar a garotada. Dança Afromix e apresentação de Capoeira. Em seguida vários ritmos sobem ao palco como; Amanda Negra Sim, DJ Lobato, Jorge Ferraz. MC Jorge e Willrapper, Dj Lobão, o MPB de Fabio Nunez, MC Lulo 2L, MC Fabinho GK, DJ Thomas, Do Morro para o Asfalto, Robson Luiz, Dom Paulinho Lima, Banda MR.Black Arroxo Bom, Projeto Samba e DJ Tony. Para encerrar a festa no palco entram Sampa Crew e Katiguelê.

Sábado, 30 de abril, o Sarau Poesia de Porão volta ao Bar do Zé, em Diadema.

Voltamos com a vacina tomada, fé na vida e na ciência, que de negacionistas queremos distância! Presença musical da Banda Capitão Bourbon, além de microfone aberto para quem quiser chegar e contribuir com seu poema, sua performance, sua canção, sua declaração de amor, seu Fora Genocida! Quando?30/04/2022, a partir das 19h Onde?Bar do Zé, rua Graciosa, 89, Centro – Diadema- SP

Arquiteto da futura Casa de Cultura da Cidade Ademar fala sobre o projeto do novo espaço popular

 Em entrevista ao site Expresso Periférico (ver aqui), o arquiteto Estevão Sabatier, responsável pelo Projeto da Casa de Cultura de Cidade Ademar, fala sobre o futuro projeto do novo espaço popular que deverá ser construído em breve. O Expresso Periférico deste mês entrevistou o arquiteto e urbanista Estevão Sabatier. Formado também em Engenharia Civil, num programa de dupla formação, Estevão trabalhou a maior parte da sua trajetória na área de restauro, com levantamentos e projetos em edifícios históricos tombados em diversos lugares de São Paulo e do Brasil. Em 2019, foi convidado a coordenar a equipe de projetos e obras da Secretaria Municipal de Cultura (SMC), onde está até hoje. Foi um dos responsáveis pelo projeto arquitetônico inicial da Casa de Cultura de Cidade Ademar, desejo antigo de artistas, coletivos culturais, ativistas da cultura e sociedade civil, hoje em fase de desenvolvimento do projeto executivo. Expresso Periférico:  Estamos diante de um arquiteto da Prefeitura que tem acompanhado o projeto de construção da Casa de Cultura da Cidade Ademar. Qual o seu envolvimento com esse projeto? …

Programa VAI está com Inscrições abertas para grupos e coletivos de cultura

Estão abertas até o próximo dia 22 as inscrições para 19ª Edição do Programa VAI (Valorização de Iniciativas Culturais) que visa apoiar financeiramente, por meio de subsídio, selecionar projetos de grupos e coletivos compostos por pessoas físicas, formados por jovens de baixa renda do município de São Paulo com idades de 18 a 29 anos de idade. Os projetos podem durar  de quatro a oito meses, sendo que o recurso a ser destinado para cada projeto deverá ser repassado em parcela única. A inscrição implica no reconhecimento, pelo interessado, de que conhece e aceita todos os termos e obrigações constantes neste edital. O Programa VAI tem como objetivo: Estimular a criação, o acesso, a formação e a participação do pequeno produtor criador no desenvolvimento cultural da cidade; promover a inclusão cultural e estimular dinâmicas culturais locais e a criação artística. O valor total deste edital é de R$ 4.650.000,00 (quatro milhões seiscentos e cinquenta mil reais). Os projetos selecionados deverão receber o aporte de até R$ R$ 50.966,00 (cinquenta mil novecentos e sessenta e seis …

Exposição “22 Periférico”, circuito literário e Carnaval estão entre os destaques das Fábricas de Cultura

Em fevereiro, as unidades do programa na zona Norte e Sul de São Paulo e Diadema têm programação variada voltada para cultura periférica As Fábricas de Cultura, programa da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo e gerenciadas pela Poiesis, irão explorar a produção cultural periférica ao longo do mês de fevereiro. As atividades nas unidades da Zona Norte (Brasilândia, Jaçanã e Vila Nova Cachoeirinha), Sul (Capão Redondo e Jardim São Luís), e Diadema são gratuitas e ocorrem de forma virtual e presencial. Entre os destaques do mês está a exposição “22 Periférico”, que reúne releituras de obras dos principais artistas do movimento Modernista produzidas por cinco artistas periféricos, ex-aprendizes da Fábricas de Cultura Brasilândia, que atualizam os debates da Semana de Arte Moderna para os conflitos observados atualmente nas margens da cidade. A exposição pode ser visitada até 27 de fevereiro na Fábrica de Cultura Brasilândia e ainda inclui a exibição do curta-metragem “Novamente 22”, do coletivo Zéfiro Norte. O curta busca construir uma linha do tempo com performances no Teatro Municipal de São Paulo …